Eu estou como eu sempre quiz

Aqui, sozinho eu que nunca tive medo de um dia ficar só aqui, minh'alma calada pelo tempo que eu perdi.
Olhar pra dentro e me assumir dizer pra mim "esse sou eu" há tempos se esperava um momento de ficar assim olhar bem fundo e permitir
Meu coração olhar pra mim
Há tempos que eu desejo muito mais do que me apaixonar um caminho em linha reta sem poder parar, há tempos que eu não paro pra pensar.
Há tempos que eu tô louco pra me amar.

Eu que a vida inteira tive medo de pirar aqui, tão minha eu que muitas vezes me entreguei sem me amar, há tempos se esperava um sorriso ou um carinho.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A cobra que picou Paulo

Chuvas no Espirito Santo

Somos Pequenos